Foodie

Qual o melhor Brunch? Tease vs Heim Café

Hey, vamos a mais uma Batalha de Brunches?

Brunch please!

T E A S E

É muito fácil passar ao lado do Tease e não dar por ele. Ou sou eu que sou muito distraída?

É um espaço bem discreto. Gostei, dá aquele ar misterioso que combina super bem com o interior.

O espaço é pequenino e tem meia dúzia de mesas ao comprido. A decoração, por sua vez, é maravilhosa, muito criativa, com elementos naturais e peças super originais. Achei os preços muito simpáticos e o atendimento foi simpático e rápido.

O que interessa é a comidinha, não é verdade? E no Tease temos várias opções na carta para fazermos o nosso brunch à medida da nossa fome ou vontade de comer. Sumos, batidos, waffles, crepes, panquecas, tostas, saldas, ovos de várias formas, cupcakes e outras pastelarias caseiras.

Escolhemos uma tosta com queijo chévre, mel e nozes que veio acompanhada de uma salada que equilibrava os sabores da tosta na perfeição. Gostei mesmo muito da combinação. De doces (que não somos nada gulosas!) escolhemos um waffle com nutela e um cupcake de limão.

Não provei o waffle mas tinha super bom aspeto e a Pipa (@pipaboavaiela) gostou muito. Eu delirei com o cupcake de limão. Não era demasiado doce, nem demasiado ácido, massa fofa, interior de curd e cobertura de queijo creme.

As panquecas são a minha perdição num brunch, mas este cupcake… Não há como enganar, foi o caminho direto para o meu coração.

H E I M C A F É

Como resistir a ir ao Heim depois das fotos que vemos pelas redes sociais? Não dá!

E lá fomos nós. Fomos perto da hora em que a cozinha fecha, mas não tivemos qualquer problema em arranjar mesa mesmo o espaço sendo pequeno. A decoração, como habitual nos espaços do género é linda, com muito verde, plantas, madeira, livros…

Um ponto a favor em qualquer espaço para brunch, sem dúvida!

O serviço foi um pouco demorado e algo confuso.

Primeiro vieram as bebidas, pedimos limonadas, uma simples e uma de morango. Muito aromatizadas, a simples se não me engano com cravinho e alecrim. Adorei, diferente de todas que já experimentei e estava sublime!

O Heim tem menus para brunch pré-definidos, com deiversas opções e preços. São os Brunches azul, vermelho, verde e amarelo. Achei muito prática e simples a divisão.

Uma tosta de cogumelos, cebola caramelizada (música para os meus ouvidos! Ou papilas gustativas!? Como preferirem.) e 3 queijos. E claro, não era um brunch sem doces, por isso vieram umas panquecas com creme de café, fruta e topping de suspiro e um waffle com caramelo, fruta e um topping de lascas de coco.

Tivemos a mesmo opinião, bons, mas sem surpreenderem. O creme de café (que ao ler no menu me fez lembrar do creme de café do bolo de banana do Café Janis) não era bem o que estava à espera e, mesmo com os frutos vermelhos a cortar, tornou-se demasiado doce.

O Café Janis já esteve numa Batalha de Brunches que podes ver AQUI.

No geral, gostei imenso dos dois, mas visto que o Tease me surpreendeu e em 2019 é difícil sermos surpreendidos… Desta vez ganha o Tease!

Mesmo assim vale muito a pena conhecerem os dois espaços e deliciarem-se.

%d bloggers like this: